19 de maio de 2014

Non Dvcor Dvco (Não sou conduzido, conduzo)

Lendo "Os segredos da mente milionária", de T. Harv Eker, deparei-me com a primeira lição:

"As pessoas ricas acreditam na seguinte idéia: 'Eu crio a minha própria vida.' As pessoas de mentalidade pobre acreditam na seguinte idéia: 'Na minha vida, as coisas acontecem.'"

Fiquei meio sem entender no início, mas logo me lembrei da música do Zeca Pagodinho - Deixa a vida me levar - e o sucesso que essa música foi nas rádios na época de lançamento e, mesmo hoje, é presença garantida em qualquer churrasco que se preze, vamos combinar ;)

Por que essa música faz sucesso? A letra é fácil de assimilar e acompanhar, repete várias vezes o bordão central da letra, como a grande maioria das músicas de hoje e AS PESSOAS SE IDENTIFICAM COM ELA. Zeca Pagodinho, como um grande compositor das massas, soube captar sua essência, sua alma, suas angústias e anseios ao escrever tal música. E ele, como músico, como artista que vive disso para pagar suas próprias contas lá em Xerém, está pouco se lixando para o fato de que essa música acalanta o escravo dentro de sua casa grande mental. Ele mais quer é que muitas pessoas ouçam, identifiquem-se e compareçam aos shows. E ele tá certo.

Somos todos adultos e sabemos o que é bom ou não para nós. Pelo menos, deveríamos saber. E, sabendo que não sabemos, procurar mudar essa realidade (meu caso hoje).

Isso não veio até mim como um rompante. Várias crises foram necessárias. Muita leitura. Muita discussão. Muito murro em ponta de faca.

Voltando à saga Hotmart, se hoje escrevo esse blog é porque eu quero sair da corrida dos ratos. Mas a pergunta que fica é: onde tudo começou?

Eu acessava um site chamado Mude.nu e os artigos deles são muito bacanas. Os primeiros artigos que acessei diziam respeito às estratégias vencedoras para se passar num concurso público bom e fui enveredando pelos outros assuntos.

No final do ano passado, acho, eles abriram um curso sobre autogerência pessoal, chamado Academia de Pilotos. Fiz. Gostei (acho que foi o melhor produto que comprei na Hotmart) e isso começou a mudar meu modo de ser. Saí da acomodação e da vida de lamentações, críticas nada construtivas, reclamações para uma vida mais proativa. Foi muito bom ter feito. Fez-me repensar muito sobre a vida.

Comecei a terapia, para continuar a me ajudar nesse processo, e a vida tem sido bem mais lúcida hoje. Consciente. Honesta. Sem a terapia, não teria avançado tanto. Só ler, não basta. Só querer, também não. É preciso se conhecer para mudar.

Acredito que essas mudanças têm iniciado a partir do momento que comecei a questionar e me questionar. Primeiro, no quesito religião. Depois, nos comportamento machista nosso de cada dia. Hoje, meu foco está voltado para melhorar minhas finanças e a qualidade de vida, como um todo.

Hoje sou menos tapada, guiada por pessoas que têm outros interesses que não o de me ajudar a me desenvolver e melhorar e espero ter essa mesma função na vida das pessoas que me cercam. Como diz o amigo Eike, hoje non dvcor dvco (Não sou conduzido, conduzo).

BTW, 1 mês de blog!!! Êêêêêêêê!!!!


Um beijinho

19 comentários:

  1. Olá Maria....Passei a ter interesses nos blogs de finanças desde o ano passado. que bom que voce tem lutado para sair da "corrida dos ratos". Pretendo investir em ações, porém preciso estudar um bocado para entrar nesse mundo. Vi que voce é concursada. Sou também e tenho lutado arduamente na batalha de outros cargos melhores. Pretendo mesclar investimentos e estudos para concursos e quem sabe lá na frente começo a empreender. Depois vou colocar para voce alguns nomes de livros que estou lendo.

    Ass: Ultimecia

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Vou adorar saber, Ultimecia.

      É um bom plano. Tive um colega que gastava todo o salário com livros e cursinhos... hoje ele tá bem de vida pra caramba. Aprendi muito com ele, ainda que tardiamente.

      Vamos chegar onde quisermos, pois temos força de vontade e estratégia

      Obrigada pela visita

      Excluir
  2. Obrigado pela referência à minha pessoa. A expressão "NON DVCOR DVCO" foi extraída do brasão da Cidade de São Paulo (cidade que sou funcionário público e que me identifico com a expressão). Maiores informações estão neste link:

    http://pt.wikipedia.org/wiki/Bras%C3%A3o_da_cidade_de_S%C3%A3o_Paulo

    Eu pessoalmente acho que é a melhor coisa a fazer adotar esse lema na vida. Deixar a vida levar não é saudável e pode dar uma dor de cabeça.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. VIVA SÃO PAULO! Locomotiva que move esse país de sugadores canalhas!

      SEPARA SP!!!

      Excluir
    2. Sim, Eike, verdade.

      Não gosto muito de SP (polêmica), mas essa frase é show.

      Quando a li no seu blog, um mundo novo de possibilidades se abriu para mim e foi o pontapé para a elaboração do blog. Você é meu ídolo :D

      Excluir
  3. Maria, boa noite.

    Parabéns pelo esforço. Estou acompanhando o blog desde o início e já favoritei aqui. Não estive/estou tão fudido quanto você, mas acompanhar os blogs me fizeram amadurecer várias idéias sobre finanças.

    Hoje decidi que não quero ter como objetivo IF. Ela virá, mas como um meio para conquistar meus objetivos. Não pretendo sequer parar de trabalhar, mas deixar de trabalhar para os outros e trabalhar para mim mesmo, em algo que eu goste.

    Sobre o blog em si, uma dica que acho bacana e vai enriquecer seu conteúdo é verificar o português antes de publicar. Não por erros ortográficos, mas a concordância as vezes está errada. Evoluir nisso deixará seu blog e suas redações de concursos muito melhores. Por favor, não entenda como crítica negativa, apenas um toque pois gostei e pretendo acompanhar o blog.

    :)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Nooooooossa, anônimo, jamais!!! Obrigada pela dica :D

      É sempre bom saber onde erramos, pois isso vira nosso ponto de partida em busca de melhores formas de expressão.

      Vou ter mais cuidado ao escrever e vou revisar os posts já publicados para corrigir o que ficou :)

      Não sou um gênio da língua, mas me esfoço e quero sempre melhorar. O estudo da língua deve ser constante.

      Sobre os blogs dos amigos, é sempre bom ler e aprender através da experiência dos outros, pois sai mais barato, ehehe.

      Também não pretendo deixar de trabalhar. Quero a IF para não ser escrava dele no quesito finanças. Quero trabalhar em algo que me melhore enquanto pessoa.

      Obrigada pela sua contribuição e visita

      Excluir
  4. Oi Maria,

    Eu também já li o "Os segredos da mente milionária". Foi um dos livros que ajudou a transformar a minha maneira de pensar.

    O uso da música do Zeca Pagodinho foi excelente! (está inspirada mesmo, hehehe)

    Eu penso de forma parecida. As pessoas acordam cedo, trabalham duro (na maioria em funções que não gostam, com salários que não gostam), pegam trânsito, e quando chegam em casa se rendem ao sofá e a TV.

    Sentados no sofa, o que precisam fazer é manter os olhos abertos enquanto a programação passa.

    Agora, quantos desses têm a disposição de sentar em uma mesa, acender uma luz bem clara, e ler um livro interessante como esse? Poucos!

    Seguimos colocando conteúdos em nossos sites, para o dia em que essas pessoas decidirem tomar uma atitude e controlar a própria vida, nós possamos recebê-las.

    Abraço!
    Bruno Hanai

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Excelente, Bruno.

      É por aí mesmo. Vamos torcer para que nossos blogs tragam alguma esperança e inspiração para elas.

      (aliás, li seu blog e achei tudo muito interessante, sobretudo a divisão G1, G2 e G3 nos posts).

      Excluir
  5. Ola Maria, Excelente colocação da musica do Zeca Pagodinho que vai contra a frase do livro. Boa sorte na sua reviravolta financeira, também sou novo no mundo de finanças e aprendo cada dia mais, aprendi contigo e aprendi com os demais blogueiros, uns mais velhos outros mais nossos na blogsfera porem todos acabam somando. E parabéns pelo primeiro mês.

    Aquele abraço

    ResponderExcluir
  6. Também estou lendo 'Os segredos de uma mente milionária', já finalizei o 'Pai Rico, Pai Pobre' do Robert Kiyosaki estou na luta para sair da corrida dos ratos.
    Um livro que eu gostei muito foi o 'Investidor Inteligente' do Benjamin Graham.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Vou procurá-lo. Obrigada pela dica :D

      Vamos sair dessa corrida maldita

      Excluir
  7. Respostas
    1. eba! Estou me acostumando a ler em tablet :)

      Excluir
  8. Maria... Leia tambem o "12 Meses para Enriquecer" - Marcos Silvestre... um bom livro para iniciantes como nós. Ele até explica sobre TD e ações. Outro que me indicaram é o "Arvore do Dinheiro" - Jurandir Macedo Junior

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ass: Ultimecia

      Excluir
    2. li os dois, o 12 meses é melhor em todos aspectos...

      Excluir
    3. Vou procurar :D

      Obrigada pela dica :)

      Excluir

Pense antes no que vai escrever, para não magoar meu coraçãozinho. Anônimos, deixem ao menos um nome. Se começarem a bagunçar muito, vou restingi-los, para preservar minha sanidade.